Adeus, Billy!

 
Infelizmente, perdemos a corrida contra o tempo para homenagear Billy Blanco em vida.
Mas como ele mesmo cantava em uma de suas músicas favoritas Canto Livre: morre um cantor e o canto permanece.
Em meu nome, da equipe Oka e dos amigos colaboradores do projeto Sinfonia Paulistana fica aqui o compromisso de que a Sinfonia Paulistana, Um Novo Olhar será realizada e esta nossa homenagem se concretizará em breve.
Por enquanto, nada me parece melhor para homenageá-lo do que divulgar, pra quem ainda não conhece, esta bela letra do nosso querido Billy.
 
Abraço,
Zagallo
 
  
Canto Livre de Billy Blanco
O meu compromisso
com sinceridade
é fazer meu povo
sorrir outra vez
e melhor que isso
só se for verdade
No mais, tanto faz
como tanto fez
Canta!
Sempre serás feliz quando cantares.
e dentre as coisas pelas quais lutares,
o canto puro e simples não esquece,
numa prisão, na irgreja ou na rua,
uma canção tem força de uma prece,
não haverá no mundo quem destrua,
morre um cantor e o canto permanece.
Canta!
Mesmo cativo, o pássaro não liga
prendem o seu corpo, não sua cantiga,
seu canto é livre, livre como o vento
e um cantor não para, só morrendo
mas a canção revive sua memória
e ele renasce a caa momento
porque seu canto faz parte da História
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s